21/03/2009

Corretores

Faz tempo que justificar a escolha dessa nova profissão, o que aconteceu pelo desejo de deixar de fazer parte de empresas privadas que só queriam a minha alma a troco de (quase) nada. Cansei de justificar o que uma empresa sem escrúpulos (cujo nome nem consigo pronunciar mais) que deixava de pagar às pessoas o que era de direito e ainda tinha como cultura sugar até a última gota de energia de cada um, para depois obrigar aos coordenadores e gerentes (e eu fui um deles) que chafurdassem em sua tragetória até achar um furo qualquer, superdimensioná-lo e transformá-lo em motivo passível de justa causa. Pois, como dizia o diretorzinho de meia tigela da época: " se dez por cento das pessoas reclamarem, ainda estaremos no lucro. Enfim, essa sujeira toda dá um livro, mas não sei se vou escrevê-lo um dia, então não será agora que mexerei nessa m. toda.

Falando em corretores de imóveis, deixe-me contar uma coisa interessante sobre eles: todos trabalham por comissões miseráveis, sonhando em um dia vender um imóvel de 2milhões, e muitos passam mais de 6 meses sem vender nada, e sem salário ou ajuda de custo. Quando uma vendinha acontece, ficam dependentes ou da liberação do financiamento pela caixa econômica federal ou da comissão pela imobiliária onde trabalham. Não que seja o meu caso, mas já ouvi muitas reclamações de pessoas que acabaram fazendo a média e descobriram que ganham mais ou menos 1mil por mês trabalhando todos os dias, inclusive nos finais de semana e feriados. Você sabe porque as imobiliárias tem plantões de vendas diariamente e além do horário comercial?Porque não precisam pagar hora extra, alimentação e etc.Todo corretor de imóveis é, no fundo, um otimista de carteirinha. Ser corretor de imóveis não é fácil, esta é uma profissão marginalizada, que é vista com muitos preconceitos. Parece que todo corretor ganha muito bem, é um malandro, que trabalha pouco e ganha muito. Errado senhores, muito errado. Corretores precisam ter uma paciência de Jó, além de ânimo para gastar muita sola de sapato, e na maioria das vezes em vão. É quase uma loteria, mas é claro que depende de muito esforço e determinação, como em qualquer outra profissão.
A compra de um imóvel não é como a compra de um celular. Envolve muita coisa, e é isso que prejudica. O curso é falho, não prepara para o mercado, e além de tudo não vejo o conselho de classe tão engajado assim. Mesmo assim, sigo apostando minhas fichas, embora um tanto incrédula, mas quem sabe estou errada desta vez?

0 disseram que...:

Corretores

Posted 16:07 by Bia in Marcadores:
Faz tempo que justificar a escolha dessa nova profissão, o que aconteceu pelo desejo de deixar de fazer parte de empresas privadas que só queriam a minha alma a troco de (quase) nada. Cansei de justificar o que uma empresa sem escrúpulos (cujo nome nem consigo pronunciar mais) que deixava de pagar às pessoas o que era de direito e ainda tinha como cultura sugar até a última gota de energia de cada um, para depois obrigar aos coordenadores e gerentes (e eu fui um deles) que chafurdassem em sua tragetória até achar um furo qualquer, superdimensioná-lo e transformá-lo em motivo passível de justa causa. Pois, como dizia o diretorzinho de meia tigela da época: " se dez por cento das pessoas reclamarem, ainda estaremos no lucro. Enfim, essa sujeira toda dá um livro, mas não sei se vou escrevê-lo um dia, então não será agora que mexerei nessa m. toda.

Falando em corretores de imóveis, deixe-me contar uma coisa interessante sobre eles: todos trabalham por comissões miseráveis, sonhando em um dia vender um imóvel de 2milhões, e muitos passam mais de 6 meses sem vender nada, e sem salário ou ajuda de custo. Quando uma vendinha acontece, ficam dependentes ou da liberação do financiamento pela caixa econômica federal ou da comissão pela imobiliária onde trabalham. Não que seja o meu caso, mas já ouvi muitas reclamações de pessoas que acabaram fazendo a média e descobriram que ganham mais ou menos 1mil por mês trabalhando todos os dias, inclusive nos finais de semana e feriados. Você sabe porque as imobiliárias tem plantões de vendas diariamente e além do horário comercial?Porque não precisam pagar hora extra, alimentação e etc.Todo corretor de imóveis é, no fundo, um otimista de carteirinha. Ser corretor de imóveis não é fácil, esta é uma profissão marginalizada, que é vista com muitos preconceitos. Parece que todo corretor ganha muito bem, é um malandro, que trabalha pouco e ganha muito. Errado senhores, muito errado. Corretores precisam ter uma paciência de Jó, além de ânimo para gastar muita sola de sapato, e na maioria das vezes em vão. É quase uma loteria, mas é claro que depende de muito esforço e determinação, como em qualquer outra profissão.
A compra de um imóvel não é como a compra de um celular. Envolve muita coisa, e é isso que prejudica. O curso é falho, não prepara para o mercado, e além de tudo não vejo o conselho de classe tão engajado assim. Mesmo assim, sigo apostando minhas fichas, embora um tanto incrédula, mas quem sabe estou errada desta vez?

0 comment(s) to... “Corretores”
 
Copyright 2009 Bula da Bia. Powered by Blogger Blogger Templates create by Deluxe Templates. WP by Masterplan