21/01/2010

Os carentes

A gata está cada dia mais amadinha comigo, acho que ela sente que deve aproveitar esses últimos meses de atenção só para ela. Dorme do meu lado (isso nunca aconteceu), me espera na porta de casa e me acompanha até o quarto para a nossa siesta do meio dia. Um doce, só mia para pedir carinho mesmo, e é a minha companheirinha quando estamos em casa.

O computador, coitado, está  "virado no que é aquilo". É um trincadinho que ele ganhou em um tombo recente, são manchas por todos os lados e por último ficou cheio de açúcar de confeiteiro depois de um lanchinho vespertino :)  Perdeu o colinho de sempre, e fica empoleirado onde dá. Acho que por isso ele andou teimando um pouco, mas agora está um docinho também...

O marido reclama de tudo, reina o dia inteiro, enfim, continua praticamente o mesmo. Não me dá dengo nenhum, mas pelo menos nesses últimos dias tem demonstrado um humor melhorzinho...


Será que todos esses seres (inanimados e animados) sofrem alguma influência dos meus hormônios?

****


Ah, quero agradecer às amigas, que com os comentários do post anterior me deixaram com uma suave sensação de normalidade :)

6 disseram que...:

.justlow disse...

kkkkkkkkkkkkkk
Animas são assim, veêm que estão perdendo o trono , querem chamar a atenção, pena que não posso ficar muito tempo com gato ou cachorro( tenho alergia do pelo deles ) mas amo !
bjs ;*

Ana disse...

Eles sentem mesmo.
Todos eles.
O meu foi tb meu grande companheiro durante a gravidez que ficava sozinha durante o dia.
Muito fofa sua gata.
Adorei o layout novo!
Estou sem meu note por isso só consigo entrar de vez enquanto na net agora.
Beijos

Cynthia Santos disse...

Sentem, e bastante... e olha que tenho dois, o segundo chegou pra fazer companhia pro mais velho (pai e filho), porque trabalhamos fora o dia todo. Toda noite é um tal de pedir carinho, e se não damos por bem, vai na marra...ahahahah
Sem contar o risco de serenata na porta do quarto do Arthur... o mais novo (Aramis) já conseguiu acordá-lo no meio da noite duas vezes!!
Quanto ao marido, bem... eles também devem ficar meio do avesso, né? É muita mudança de uma vez só..ehehehhe
Beijo grande!

Mariii disse...

minha cadelinha morgana anda diferente comigo, antes ela dormia comigo na cama, agora não quer nem saber, me olha ressabiada, parece q sabe q ela não sera mais meu nenezinhu numero 1!!!

tadinha vai ficar toda enciumadinha quando dimitri nascer

mas eles se acostumam

bjaumaaaaaa

Susi disse...

Eles sao assim mesmo ciumentos e sentem qdo vao perder o trono.

ponto.arquitetura disse...

Ahh, gatos são uns amores mesmo! Eu tinha um gato que era grudado comigo... Morro de saudade dele!

Os carentes

Posted 19:21 by Bia in Marcadores:
A gata está cada dia mais amadinha comigo, acho que ela sente que deve aproveitar esses últimos meses de atenção só para ela. Dorme do meu lado (isso nunca aconteceu), me espera na porta de casa e me acompanha até o quarto para a nossa siesta do meio dia. Um doce, só mia para pedir carinho mesmo, e é a minha companheirinha quando estamos em casa.

O computador, coitado, está  "virado no que é aquilo". É um trincadinho que ele ganhou em um tombo recente, são manchas por todos os lados e por último ficou cheio de açúcar de confeiteiro depois de um lanchinho vespertino :)  Perdeu o colinho de sempre, e fica empoleirado onde dá. Acho que por isso ele andou teimando um pouco, mas agora está um docinho também...

O marido reclama de tudo, reina o dia inteiro, enfim, continua praticamente o mesmo. Não me dá dengo nenhum, mas pelo menos nesses últimos dias tem demonstrado um humor melhorzinho...


Será que todos esses seres (inanimados e animados) sofrem alguma influência dos meus hormônios?

****


Ah, quero agradecer às amigas, que com os comentários do post anterior me deixaram com uma suave sensação de normalidade :)

6 comment(s) to... “Os carentes”
 
Copyright 2009 Bula da Bia. Powered by Blogger Blogger Templates create by Deluxe Templates. WP by Masterplan