20/11/2009

Please

Ontem fui ao grupo de gestantes do hospital Santa Lucia. Fui muito bem recebida, as meninas que organizam são uns amores. A convidada era uma psicóloga, que foi falar de assuntos gerais da gravidez. Tudo corria bem, até que me deparei com a criatura (a psicóloga) falando de si mesma repetidas e repetidas vezes, de suas experiências (nada de mal, né?!) e de quanto foi traumático para ela ficar por 30 horas em trabalho de parto...
Tsc. Gente, travei geral, não conseguia mais ouvir a mulher, estava louca para ir embora, só se falava em tragédia, não tirei várias dúvidas que gostaria de ter tirado por que simplesmente não me senti a vontade...
Sei que sou um ser implicante por natureza, mas estou tão cansada de ouvir a mulherada falar de como foi difícil, como foi horrível, como foi traumático...
Puxa vida, sou marinheira de primeira viagem, não tenho parâmetros, por que não me deixar descobrir por mim mesma? Senhoras, depois de contarem como quase foram rasgadas e como morreram de dor, não esperem que a frase "ah, mas cada gestação é diferente, não é porque aconteceu comigo que vai acontecer com vocês" me tranquilize...
Fica o apelo às mais experientes: me poupem de suas histórias de dor e sofrimento, se quiserem me ensinar algo serão bem vindas, mas me privem de informações que não vão me agregar em nada.
Enfim, vou continuar participando das palestras, achei o grupo muito legal, é interessante compartilhar com outras mulheres que estão passando pela mesma fase. O próximo encontro será no dia 17/12, sobre parto com a participação de um obstetra.

0 disseram que...:

Please

Posted 10:31 by Bia in Marcadores: ,
Ontem fui ao grupo de gestantes do hospital Santa Lucia. Fui muito bem recebida, as meninas que organizam são uns amores. A convidada era uma psicóloga, que foi falar de assuntos gerais da gravidez. Tudo corria bem, até que me deparei com a criatura (a psicóloga) falando de si mesma repetidas e repetidas vezes, de suas experiências (nada de mal, né?!) e de quanto foi traumático para ela ficar por 30 horas em trabalho de parto...
Tsc. Gente, travei geral, não conseguia mais ouvir a mulher, estava louca para ir embora, só se falava em tragédia, não tirei várias dúvidas que gostaria de ter tirado por que simplesmente não me senti a vontade...
Sei que sou um ser implicante por natureza, mas estou tão cansada de ouvir a mulherada falar de como foi difícil, como foi horrível, como foi traumático...
Puxa vida, sou marinheira de primeira viagem, não tenho parâmetros, por que não me deixar descobrir por mim mesma? Senhoras, depois de contarem como quase foram rasgadas e como morreram de dor, não esperem que a frase "ah, mas cada gestação é diferente, não é porque aconteceu comigo que vai acontecer com vocês" me tranquilize...
Fica o apelo às mais experientes: me poupem de suas histórias de dor e sofrimento, se quiserem me ensinar algo serão bem vindas, mas me privem de informações que não vão me agregar em nada.
Enfim, vou continuar participando das palestras, achei o grupo muito legal, é interessante compartilhar com outras mulheres que estão passando pela mesma fase. O próximo encontro será no dia 17/12, sobre parto com a participação de um obstetra.

0 comment(s) to... “Please”
 
Copyright 2009 Bula da Bia. Powered by Blogger Blogger Templates create by Deluxe Templates. WP by Masterplan