09/02/2007

Já tatuei meu corpo
Já tomei banho de chuva
Já dormi no trem
Já senti saudade de um tempo que não volta mais
Já pensei em morar longe
E fui
E fiquei
Por incrível que pareça
E senti que posso muito mais do que penso, e que viver só é bom, e que eu sou diferente do que imaginava
Tenho mais força do que pensava
Tenho mais utopias do que sonhos
Tenho mais nostalgia do que inovações
Tenho mais dúvidas do que anseios
Tenho mais amores do que paixões
E sinto que mudo todo dia, e isso é bom
Porque o que me incomoda não é mudança, e sim a expectativa
De que as coisas possam ser diferentes
E que amanhã eu possa não ser mais a mesma
O alicerce é o mesmo
O tempo não muda a essência
Aprimora
Enriquece
Enrijece
Amortece
Fortalece
Cresce
Amadurece
E vai embora
E amanhã começa tudo outra vez

Posted 23:08 by Bia in
Já tatuei meu corpo
Já tomei banho de chuva
Já dormi no trem
Já senti saudade de um tempo que não volta mais
Já pensei em morar longe
E fui
E fiquei
Por incrível que pareça
E senti que posso muito mais do que penso, e que viver só é bom, e que eu sou diferente do que imaginava
Tenho mais força do que pensava
Tenho mais utopias do que sonhos
Tenho mais nostalgia do que inovações
Tenho mais dúvidas do que anseios
Tenho mais amores do que paixões
E sinto que mudo todo dia, e isso é bom
Porque o que me incomoda não é mudança, e sim a expectativa
De que as coisas possam ser diferentes
E que amanhã eu possa não ser mais a mesma
O alicerce é o mesmo
O tempo não muda a essência
Aprimora
Enriquece
Enrijece
Amortece
Fortalece
Cresce
Amadurece
E vai embora
E amanhã começa tudo outra vez



0 comment(s) to... “Já”
 
Copyright 2009 Bula da Bia. Powered by Blogger Blogger Templates create by Deluxe Templates. WP by Masterplan