31/03/2005

As coisas como elas são

Porque não deixamos alguns comportamentos que deveriam ser considerados "infantis" de lado na idade adulta?
Há poucos dias fiz 25 anos, achava que com essa idade tudo ia mudar, mas continuo me sentindo a mesma, e sei que continuo fazendo as mesmas criancices de sempre, a unica diferença é a culpa. Ou seja, o prazer de ser criança é deixado para trás, só o que muda é a culpa, bom senso e outros atributos adquiridos com a vida adulta.
Quando somos crianças, não temos medo de praticamente nada, podemos subir em uma árvore sem pensar se ela está suja, se pode ter uma aranha, se pode quebrar um galho, cair um raio na nossa cabeça, etc. Desconhecer o perigo dá mais oportunidade de conhecer novas aventuras, conhecer o perigo torna a vida mais tranquila.
E então? O que trazem os 25 anos?
Uma penca de manias acumuladas durante 300 meses, acompanhadas de novos medos (não mais o bicho papão, são coisas muito maiores, assalto, a morte, dívidas, por ex)
E porque analisar tudo isso?
Sempre vai ser assim mesmo...
Melhor deixar e curtir as coisas da vida como elas são...
O futuro é incerto mesmo! Quem sabe daqui a 25 anos eu terei tantos medos que nem poderei sair de casa? Ou aprenderei tanto que saberei curtir os bons momentos, sem resmungar pelo que ficou para trás...

3 disseram que...:

JR disse...

O bom mesmo é ser feliz...

Anônimo disse...

Hmm I love the idea behind this website, very unique.
»

Anônimo disse...

I really enjoyed looking at your site, I found it very helpful indeed, keep up the good work.
»

As coisas como elas são

Posted 16:57 by Bia in
Porque não deixamos alguns comportamentos que deveriam ser considerados "infantis" de lado na idade adulta?
Há poucos dias fiz 25 anos, achava que com essa idade tudo ia mudar, mas continuo me sentindo a mesma, e sei que continuo fazendo as mesmas criancices de sempre, a unica diferença é a culpa. Ou seja, o prazer de ser criança é deixado para trás, só o que muda é a culpa, bom senso e outros atributos adquiridos com a vida adulta.
Quando somos crianças, não temos medo de praticamente nada, podemos subir em uma árvore sem pensar se ela está suja, se pode ter uma aranha, se pode quebrar um galho, cair um raio na nossa cabeça, etc. Desconhecer o perigo dá mais oportunidade de conhecer novas aventuras, conhecer o perigo torna a vida mais tranquila.
E então? O que trazem os 25 anos?
Uma penca de manias acumuladas durante 300 meses, acompanhadas de novos medos (não mais o bicho papão, são coisas muito maiores, assalto, a morte, dívidas, por ex)
E porque analisar tudo isso?
Sempre vai ser assim mesmo...
Melhor deixar e curtir as coisas da vida como elas são...
O futuro é incerto mesmo! Quem sabe daqui a 25 anos eu terei tantos medos que nem poderei sair de casa? Ou aprenderei tanto que saberei curtir os bons momentos, sem resmungar pelo que ficou para trás...


3 comment(s) to... “As coisas como elas são”
 
Copyright 2009 Bula da Bia. Powered by Blogger Blogger Templates create by Deluxe Templates. WP by Masterplan